Suspeitos de executar idoso na Linha Adolfo Konder são presos em operação

Uma operação conjunta entre a Polícia Civil e Polícia Militar de Caçador deu cumprimento de três mandados de prisão preventiva e quatro de busca e apreensão. As diligências foram realizadas na manhã desta sexta-feira (09), em três pontos da cidade. Uma espingarda e uma motosserra foram apreendidas.
Segundo informações preliminares repassadas pelo Delegado Regional, Fabiano Locatelli e responsável pela operação, dão conta de que os três presos são suspeito de ter tirado a vida de Antônio Dias, 86 anos, morto no dia 24 de novembro, na propriedade de seu genro na linha Adolfo Konder, interior de Caçador.
“Essas medidas cautelares são oriundas de uma investigação de latrocínio ocorrida no dia 24 de novembro, do Antônio Dias, que foi morto por alguns tiros. A investigação chegou em três suspeitos e esses indivíduos teriam sido reconhecidos na imediações do local do fato, são todos já com passagens pela polícia e em vista desses elementos colhidos na investigação, representamos pelas prisões e pelas buscas, onde localizamos uma espingarda calibre 16, um rádio comunicador na frequência da Polícia Militar, ou seja, eles copiavam as informações da policia e temos ainda mais diligências a serem feitas, pois a investigação não está concluída”, disse.
O delegado não irá divulgar nomes e fotos dos envolvidos até que suas prisões sejam definitivamente decretadas, mas na manhã desta sexta-feira, foram cumpridos mandados de busca e apreensão na Rua Luiz Tortato, bairro Nossa Senhora Salete, na Rua Úrsula Scapinelli, bairro Santa Catarina e na comunidade do Pena, próximo à linha Adolfo Konder. Foram presos um jovem de 19 anos, um de 21 e outro de 26 anos.
Na comunidade do Pena os policiais localizaram uma espingarda calibre 16 que deverá passar por perícias para saber se foi esta a arma utilizada para executar o idoso, ainda foi encontrada uma motosserra, do mesmo modelo que foi levada da casa do idoso, mas foi descartada por seu genro que não reconhecei o equipamento e um rádio comunicador na frequência da PM.
Na mesma noite do crime, os Bombeiros Voluntários atenderem um homem que foi atingido por um tiro no pé, o delegado descartou a possibilidade do mesmo estar envolvido no crime. “Descartamos a possibilidade de ligação com o crime, uma vez que o homem confessou para nós que o tiro partiu da sua própria arma de fogo”, finalizou.

Relembre o caso
Um idoso de 86 anos foi morto a tiros na noite de quinta-feira (24), por volta das 20h30. Antônio Dias estava na propriedade que é de seu genro quando foi morto com pelo menos três tiros, um pode ter sido a queima roupa.
Segundo informações do genro do idoso, ele morava no local sozinho quando, por volta das 20h30, recebeu uma ligação de um vizinho da propriedade que fica na comunidade conhecida como Linha 60, o qual disse ter ouvido pelo menos três disparos de arma de fogo vindo da chácara.
Após a ligação, o homem acionou a Polícia Militar e deslocaram até a chácara, chegando à propriedade, localizaram o idoso caído na frente da casa e já em óbito. Buscas foram feitas na casa e o proprietário não notou nada mexido, pelos assassinos.

Da Redação 
Blog Zanatta News


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários com palavrões, ofensa moral, xingamentos ou que possa denigrir a imagem de alguém ou do blog não serão aceitos.