Bruno Industrial apresenta Central de Reciclagem de Resíduos Sólidos Urbanos

Na natureza tudo se transforma. Essa afirmação pode ser extraordinária no ponto de vista de que é possível tornar algo visto como negativo, em benefício social, cultural e ambiental. Sendo assim, toda e qualquer atitude direcionada ao controle de quantidades de deposição de resíduos em aterros controlados, trará benefícios imensuráveis para a preservação do meio ambiente e consequentemente para a sociedade.

Pensando na diminuição dos rejeitos de resíduos domésticos levado para aterros, permitindo uma utilização mais racional desses locais e, focada na sustentabilidade do planeta, a Bruno Industrial está trabalhando em um projeto inovador no Brasil e na próxima terça-feira (20), vai apresentar a Central de Reciclagem de Resíduos Sólidos Urbanos (CRSU). O evento direcionado a convidados do setor acontecerá na sede da empresa, a partir das 9h. Além dos profissionais que estarão expondo o novo projeto da empresa, contará com a presença de representantes de órgãos e empresas da área de meio ambiente e reciclagem.
O diretor-presidente da Bruno Industrial, Arno Rui Schaly, lembra que o destino correto dos resíduos, sejam domésticos, industriais ou comerciais, é uma das grandes preocupações do mundo em função da grande produção de resíduos. “No mundo existe cada vez menos local apropriado para o descarte correto desses resíduos, que acabam superlotando os aterros ou muitas vezes, esses descartes indo direto para o meio ambiente. Preocupada com esses parâmetros envolvendo a sustentabilidade e ainda, em oferecer equipamentos mais acessíveis que os importados, a Bruno lançará a Central de Reciclagem de Resíduos Sólidos Urbanos, uma Central 100% nacional e única no Brasil, uma nova opção para os empresários que se preocupam com o presente e o futuro de nossas cidades”, enfatiza Arno.
O diretor financeiro comercial da Bruno Industrial, Angelo Henz, completa observando que o novo projeto da empresa é focado às necessidades diretas de separação dos materiais domésticos. “Falando em resíduos sólidos urbanos, podemos dizer que a Central de Reciclagem da Bruno Industrial é uma usina mais enxuta e mais objetiva que aquelas que vemos no exterior. É uma usina preparada com equipamentos que atendem as necessidades das cidades brasileiras, ou seja, é uma Central com custo-benefício agregado e valor financeiro muito abaixo comparado com os equipamentos importados”. Angelo lembra ainda que em médio prazo, as Centrais de Reciclagem serão essenciais no Brasil. “Na Europa e na Ásia, por exemplo, os custos dos aterros são altíssimos e as usinas já são realidades nesses continentes”, observa Angelo.

Benefícios
A má disposição do lixo compromete diretamente o meio ambiente, causando poluição dos recursos hídricos, do ar, do solo e assim, afetando também a condição sanitária da população. Uma das ideias em relação a Central de Reciclagem RSU é promover a destinação correta dos resíduos orgânicos e inorgânicos. “Com a separação correta é possível a utilização do material orgânico para a compostagem e do material
inorgânico poderá ser retirado os recicláveis, e ainda o processamento para geração de energia diminuindo significativamente os rejeitos ou descartes finais que irão para os aterros”, finaliza Angelo Henz.

O que é: Apresentação e demonstração da Central de Reciclagem de Resíduos Sólidos Urbanos.
Quando
: Dia 20 de setembro, a partir das 9h com recepção e coffee break. Encerramento às 13h após almoço.

Onde: Sede da empresa Bruno Industrial. BR 282, KM 340 - nº 83 - Distrito Industrial - Campos Novos (SC).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários com palavrões, ofensa moral, xingamentos ou que possa denigrir a imagem de alguém ou do blog não serão aceitos.