Ex-vereador de Calmon, Paulo Pompeo é preso por tentativa de homicídio


O ex-vereador de Calmon, Paulo Pompeo (PDT), foi preso na tarde de sexta-feira (24), pela Policia Civil de Caçador e Policia Militar de Calmon. Segundo informações, a polícia estava cumprindo mandado de prisão.

Pompeo tentou reagir a prisão, mas foi algemado e preso. O  mandado de prisão foi expedido pelo Poder Judiciário de Caçador. Ele foi indiciado por tentativa de homicídio contra o também ex-vereador Roberto Campagnaro (PSD) de Calmon. Ele disparou dois tiros dentro de um bar na cidade de Calmon na noite de segunda-feira (20).
Segundo a polícia, e o próprio dono do comércio a confusão aconteceu por volta das 20 horas daquela data em uma lanchonete no centro de Calmon. Pompeo chegou ao local e começou a discutir e dizer que seria o vereador mais votado de Calmon, as provocações continuaram, quando de repente ele se irritou e atentou contra a vida do ex-vereador Campagnaro, que para se defender, usou um taco de sinuca. O advogado de Pompeo está usando meios legais para libertar o ex-vereador. Fonte e Fotos: Rádio Destaque Regional





Relembre o caso: 



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários com palavrões, ofensa moral, xingamentos ou que possa denigrir a imagem de alguém ou do blog não serão aceitos.